Notícias

ASSIM TEVE INICIO O FESTURIS EM SUA EDIÇÃO NUMERO 30

Comemoração em Gramado teve referências e elogios com muitos alcances

A solenidade de Abertura do  30o. FESTURIS - Feira Internacional de Turismo teve a excelência da motivação pelas tres décadas do evento, com muitas declarações sobre o significado, importância e  representatividade do acontecimento e seus impactos na transformação do turismo de Gramado.  Com mais de mil profissionais de turismo do Brasil e do exterior, a cerimônia foi marcada por um clima de otimismo no Palácio dos Festivais que esteve lotado.


O festival e sua direção organizadora  receberam homenagem do Fornatur - Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo - com a entrega de placa comemorativa e, da sua parte, prestou homenagem especial à CVC Viagens pelos 30 anos de atuação no destino Serra Gaucha.  
Também foram homenageados com o Troféus Amigos 12 nomes entre eles um dos primeiros  que promoveram a divulgação do turismo da cidade e região, Zanis Coelho, célebre pelo seu café que, finalmente, ganhou um justo e até tardio reconhecimento.

Nos discursos, os CEOS do evento, Marta Rossi,  Eduardo Zorzanello, e Marcos Rossi agradeceram parceiros, clientes, equipe, aos familiares e também à fundadora do FESTURIS, Silvia Zorzanello (in memoriam), que junto com Marta Rossi iniciou a trajetória da Feira Internacional de Gramado. 
Esta foi a primeira vez que os tres atuais condutores da empresa estiveram juntos no palco principal para um orquestrado pronunciamento do que foi, de como está sendo e promete ser o consagrado Festuris.


Alexandre Sampaio, da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, Guilherme Paulus pela CVC, e o ministro do Turismo do Brasil, Vinícius Lummertz, destacaram em seus discursos a importância  do segmento, as interpretações em prol do setor para setor protagonista próximo, a partir do novo cenário político brasileiro. Porém, não houve nenhum pronunciamento que fosse diretamente projetado para o que será ou deverá ser o turismo neste futuro próximo.
Foram falas mais alegóricas e de pouco efeito prático. Boas para um momento de festividade e confraternização, como no caso do ministro Lummertz. “É parte da nossa missão, chamar o mundo para vir ao país. A oportunidade que for dada ao Turismo será retornada à população. O  Festuris, em 30 anos, é símbolo deste esforço e desta projeção”, disse, sem nenhum questionamento mais incisivo  a respeito deste periodo  ainda enigmático de transição..
Lummertz expandiu sua fala por vários aspectos de mudanças, dizendo que "o mundo espera uma resposta nossa. A era do Turismo é uma era de transformação". 
O atual ministro divagou do mundo pelo pais e chegou ao local, enaltecendo a cidade que tem o Festuris como uma de suas melhores contribuições. "Caminhar em Gramado é uma aula viva do Turismo. O que o Turismo pode fazer gera muitas perspectivas de respostas". 

Chamou a atenção entre as poucas citações sobre o governo que vem ai, a indicação de Lummertz sobre o primeiro discurso do presidente eleito, quando Bolsonaro pronunciou 11 vezes a palavra "Liberdade". Só omitiu o fato de não ter sido citado o Turismo uma unica vez.

Não houve - realmente - nenhum pronunciamento incisivo e efetivo sobre a questão de uma possivel manutenção da pasta dentro da reforma e redução.



A Feira Internacional  de Gramado segue nesta sexta-feira, dia 9, com o Metting  pela manhã no Hotel Master das 09 às 12 horas, É uma das atrações mais esperadas do panorama de palestras e entendimentos. O primeiro dia de Feira de Negócios ocorre no centro Serra Park, das 14 às 20 horas.

Edição > Antonio Euryco


PARCEIROS

Contatos

São Paulo/SP
Rua Martins Fontes, 330 - SALA BRAZIL
Centro - CEP: 01303-030
+55 (11) 3260-8488
+55 (11) 99679-7756

contato@guiadoturismobrasil.com

Rede Social


R J Publicidade e Marketing Ltda
CNPJ: 18.780.295/0001-21

© Copyright 2019 - Guia do Turismo Brasil | Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: DIGITATOS