Notícias

MUSEU DO IPIRANGA SERÁ PALCO DA TURNÊ “A MÚSICA DA INDEPENDÊNCIA”, QUE CELEBRA COMPOSIÇÕES DE DOM PEDRO I
Quatro espetáculos ocorrem entre 26 de novembro e 4 de dezembro, com entrada gratuita; evento tem patrocínio da farmacêutica EMS.

São Paulo receberá, entre os dias 26 de novembro e 4 de dezembro, a turnê “A Música da Independência”, evento realizado pelo Musica Brasilis –  a mais importante instituição de resgate e disseminação de partituras musicais de compositores brasileiros, incluindo José Maurício Nunes Garcia (1768 - 1830), Marcos Portugal (1762 - 1830), Sigismund Neukomm (1778 – 1858) e D. Pedro I (1798 – 1834), com sua vasta obra. Serão quatro espetáculos apresentados no Museu do Ipiranga com o objetivo de celebrar a criação musical da época e marcar o encerramento das comemorações do bicentenário da Independência do Brasil. As apresentações têm entrada gratuita e contam com o apoio da EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil.
“Para nós, da EMS, que fomos um dos principais patrocinadores do projeto de restauro e revitalização do Museu do Ipiranga, é uma alegria ver o monumento aberto novamente e recheado de programações artísticas que, além de entretenimento, oferecem conhecimento histórico. Temos orgulho da parceria e de nossa trajetória de levar acesso à cultura como forma de proporcionar bem-estar à população”, diz Josemara Tsuruoka, gerente de Marketing Institucional da EMS. A executiva acrescenta que “os espetáculos são oportunidades imperdíveis para o público conhecer a cultura produzida no Brasil Imperial e marcam, em grande estilo, o desfecho das comemorações do Bicentenário da Independência”.
Obras de D. Pedro I, como o famoso Hino da Independência do Brasil, e de compositores de seu tempo serão apresentadas por Rosana Lanzelotte (pianoforte), também idealizadora do roteiro e autora do texto, além da participação de Marília Vargas (soprano); Ricardo Kanji (flautas); Guilherme de Camargo (guitarras); Ivy Szot (mezzo-soprano); Willian Manoel (tenor); Cláudio Marques (barítono - 26 e 27/11); Marco Antonio Cassiano (tenor – 26/11); Jabez Lima (tenor – 27/11, 3 e 4/12) e Sabah Teixeira (barítono – 3 e 4/12). “Todas as obras de D. PedroI foram resgatadas e editadas pelo Musica Brasilis e estão disponíveis no endereço musicabrasilis.org.br. “Orquestras e músicos do Brasil e do mundo têm utilizado as partituras para apresentar esses repertórios neste ano de celebração. O álbum – dedicado às obras de D. Pedro I e gravado pela Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, com as partituras do Musica Brasilis – foi aplaudido pela Revista Gramophone”, revela Rosana Lanzelotte, que é também musicista e criadora do portal Musica Brasilis.
Na ocasião, o público poderá apreciar também uma obra rara do primeiro imperador do Brasil, apresentada pela primeira vez em tempos modernos: a Missa e Adjuva nos Domine, manuscrito localizado nos Açores pelo musicólogo David Cranmer. A partitura manuscrita integra um volume encadernado que consta também da Missa dedicada por D. Pedro I ao Papa Leão XII, eleito em 1823. “Diferentemente do estilo exuberante dos hinos e de outras obras religiosas, para coro e grande orquestra que D. Pedro compôs – quase sempre para ocasiões de relevo político ou dinástico –, a Missa e Adjuva nos Domine são concebidas para um contexto íntimo e contido, para a Quarta-Feira de Cinzas, o primeiro dia da estação penitencial da Quaresma. Destinada a quatro vozes “a capella”, o imperador emprega o chamado “stile antico”, ou seja, inspirado pela música do Renascimento e pelos tonos gregorianos dos salmos, o estilo apropriado para a ocasião a que se destina”, comenta o musicólogo David Cranmer, responsável pela descoberta da obra.
Também estará disponível uma série de 5 podcasts em vídeos, com a participação de Rosana Lanzelotte, Alberto Pacheco (pesquisadores da obra de D. Pedro I como compositor) e Paulo Garcez (curador da exposição Memórias da Independência). Os podcasts terão duração de 20 minutos cada e estarão disponíveis no Spotify e no canal do YouTube do Musica Brasilis, com compartilhamento nas redes sociais.

Confira o programa:

J. M Nunes Garcia (1767 - 1830)

Laudamus Te - da Missa N. Srª da Conceição (1810)

Lição 5ª (do compêndio de Música e Método para Pianoforte, 1821)

Marília, se não me amas, não me diga a verdade

Beijo a mão que me condena (s.d.)

Anônimo (anotado por Spix e Von Martius entre 1817 e 1820) – Landum

Marcos Portugal (1762-1830) e Tomás Antonio Gonzaga (1744-1810)

            Se o vasto mar se encapela

            Os mares minha bela

Sigismund Neukomm (1778 – 1858) - Sonata para flauta e pianoforte (Rio de Janeiro, 1819)

            Allegro ma non tropo - Allegro alla turca

D. Pedro I (1798 – 1834)

            Missa et Adjuva nos Domine - estreia moderna

            Marcha Imperial

            Hino Constitucional (1821)

            Hino da Independência (1822)

Serviço:

‘A Música da Independência’

Local: Museu do Ipiranga - Rua Xavier de Almeida, s/nº - São Paulo - SP

Dias e Horários:

Dia 26 de novembro, sábado, às 16h

Dia 27 de novembro, domingo, às 16h

Dia 3 de dezembro, sábado, às 16h

Dia 4 de dezembro, domingo, às 16h

Capacidade: 204 lugares + 4 lugares para cadeirantes

Duração do Espetáculo: 50 minutos

Classificação indicativa: Livre

Acessibilidade: todos os espetáculos contarão com intérprete de libras

Ingressos: Entrada gratuita - a retirada dos ingressos será na bilheteria do Museu do Ipiranga, a partir das 15h (uma hora antes de cada apresentação).

Sobre a EMS
A EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil, líder de mercado há 16 anos consecutivos, pertence ao Grupo NC. Com 58 anos de história e mais de cinco mil colaboradores, atua nos segmentos de prescrição médica, genéricos, medicamentos de marca, OTC e hospitalar, fabricando produtos para praticamente todas as áreas da Medicina. Tem presença no mercado norte-americano com a sua controlada Vero Biotech, localizada em Atlanta, Geórgia (EUA), por meio da qual a EMS obteve em 2019 a aprovação de seu primeiro produto revolucionário, fruto de inovação radical, submetido à FDA (EUA), posicionando o laboratório como uma empresa inovadora no mercado global. A EMS também investe consistentemente em inovação incremental, em genéricos de alta complexidade e é uma das acionistas da Bionovis, de medicamentos biotecnológicos – considerados o futuro da indústria farmacêutica. A empresa possui unidades produtivas em Jaguariúna (SP); em Brasília (DF); em Hortolândia (SP), onde funcionam o complexo industrial, incluindo o Centro de Pesquisa & Desenvolvimento, um dos mais modernos da América Latina, e a unidade totalmente robotizada de embalagem de medicamentos sólidos; e conta também com a Novamed, localizada em Manaus (AM), uma das maiores e mais modernas fábricas de medicamentos sólidos do mundo. Na Sérvia, possui a farmacêutica Galenika, adquirida em 2017 como parte do processo de internacionalização da companhia. A EMS exporta para 55 países e tem, na Itália, o laboratório de pesquisas MonteResearch. A empresa mantém um histórico consistente de iniciativas sociais, culturais, ambientais e esportivas dentro e fora do país como uma forma concreta de também promover saúde e qualidade de vida.

Sobre o Musica Brasilis
O Instituto Musica Brasilis, criado por Rosana Lanzelotte em 2009, tem como objetivo o resgate e difusão de repertórios de compositores brasileiros de todos os tempos e gêneros. Entre as 2.000 partituras hoje disponíveis no portal musicabrasilis.org.br, estão todas as obras conhecidas de D. Pedro I e de outros compositores do período da Independência, como José Maurício Nunes Garcia e Marcos Portugal.

Está em curso o projeto Acervo Digital de Partituras Brasileiras, que, em três anos, quadruplicará o atual acervo do portal Musica Brasilis.

Totalmente gratuito, bilíngue e acessível a portadores de necessidades especiais, o portal é consultado mensalmente por cerca de 50.000 usuários de todo o mundo.

Edição Rose Cecilia
Data de publicação desta Matéria 25-11-2022
Regulamento das Notícias


PARCEIROS

Contatos

São Paulo/SP
Rua Martins Fontes, 330 - SALA BRAZIL
Centro - CEP: 01050-000
+55 (11) 99679-7756

contato@guiadoturismobrasil.com

Rede Social


© Copyright 2023 - Guia do Turismo Brasil | Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: APLICARI